Resenha 32# O Diário de Anne Frank – Anne Frank

Oi Gente! E aí?

O Diário de Anne Frank já estava na minha meta de leitura há pelo menos uns três anos, mas foi até bom eu ter enrolado pra lê-lo, eu não estaria preparada!

imn

 

 

Autora: Anne Frank

Editora: Record

Páginas: 416

Gênero: Biografia, Memória

Acabamento: Capa dura

Classificação: 4/5

 

 

 

 

Sinopse: O depoimento da pequena Anne Frank, morta pelos nazistas após passar anos escondida no sótão de uma casa em Amsterdã, ainda hoje emociona leitores no mundo inteiro. Seu diário narra os sentimentos, os medos e as pequenas alegrias de uma menina judia que, como sua família, lutou em vão para sobreviver ao Holocausto.

Lançado em 1947, O diário de Anne Frank tornou-se um dos livros mais lidos do mundo. O relato tocante e impressionante das atrocidades e dos horrores cometidos contra os judeus faz deste livro um precioso documento e uma das obras mais importantes do século XX.

(Fonte: Record)

anne frank.JPG

(Fonte: Google)

Pra começo de conversa: vocês precisavam ver o meu estado quando acabei de ler o diário da Anne! Já tem um tempinho que finalizei a leitura, mas toda vez que eu sentava em frente ao computador, ficava olhando pra tela branca e me sentia triste. Eu não conseguia imaginar o que ela e sua família tiveram que passar, o que os Judeus passaram… É de uma maldade tremenda!

Jaques sempre me dizia: “Eu não ouso fazer mais nada, porque tenho medo de ser algo proibido.”

Poder acompanhar a esperança dela, que em breve eles poderiam sair do esconderijo e voltar a viver normalmente ia acabando comigo aos pouquinhos, pois eu já sabia qual seria o final de Anne. E mesmo sabendo o que iria acontecer, eu ficava torcendo pra que eles acabassem vivos e bem no final.

A edição que eu peguei está maravilhosa! Nunca tinha lido um livro tão bem trabalhado, cada detalhe tão pensado, que tinha horas que eu parava a leitura e ficava observando bem de pertinho a letra de Anne, as fotografias… Tudo isso contribuía com a sensação de que eu realmente estava lendo o diário dela (tenho de admitir que me senti intrusa em diversos momentos, pois eram pensamentos bem íntimos). No começo da leitura, conhecemos um pouquinho da vida de Anne, como era o relacionamento com sua família, a admiração que causava na escola, suas amigas e os crushs da vida.

anne frank.JPG 1

Confesso que no inicio a leitura não estava fluindo muito bem, se tornou cansativo todas as descrições de brigas e magoas que ela vinha acumulando de Margo (sua irmã mais velha) e Edith (sua mãe). E a leitura foi vagarosa até chegar ao Anexo Secreto, o esconderijo que o amigo de Otto (pai de Anne) arrumou para proteger a família Frank.

A escrita da pequena Anne foi amadurecendo e daí em diante eu não conseguia largar o livro! Novas pessoas chegaram para morar no Anexo Secreto, e várias coisas foram acontecendo, me deixando agoniada (acho que tenho que ir parando por aqui, se não acabo soltando algum spoiler).

annefrank-1

(Fonte: Google)

Enfim, foi uma leitura que me deixou bem triste, mas que valeu muito a pena ser lida. Mesmo que eu já tenha estudado bastante esse período sombrio da história na escola, ler sobre o nazismo pelo ponto de vista de uma moça me deixou ainda mais triste. Por incrível que pareça, eu ainda me surpreendo com a maldade que o ser humano é capaz de ter no coração.

Não acredito que a guerra seja apenas obra de políticos e capitalistas. Ah, não, o homem comum é igualmente culpado; caso contrario, os povos e as nações teriam se rebelado há muito tempo! Há uma necessidade destrutiva nas pessoas, a necessidade de demonstrar fúria, de assassinar e matar. E até que toda a humanidade, sem exceção, passe por uma metamorfose, as guerras continuarão a ser declaradas.

Quem aí já leu algum livro com essa temática? Me conte nos comentários, vamos conversar 😉

Beijinhos :*

6 comentários sobre “Resenha 32# O Diário de Anne Frank – Anne Frank

  1. Tem um outro livro com que aborda a história de uma criança e o holocausto – que é o Menino de Pijama listrado.

    Bem e sobre o Diário de Anne Frank – simplesmente sensacional.
    Amo Anne Frank. Acho que não tem como não se apaixonar por ela depois de ler o livro. Um livro realmente emocionante. Esta versão que você tem realmente é maravilhosa – um acabamento muito bonito. Este livro já me fez chorar muito. Amo!! Um tempo atrás fiz uma resenha sobre O diário de Anne Frank, mas em outra versão. Anterior a sua. Depois se puder dê uma olhadinha e fale o que acha. ⚘😚

    https://caviareovofrito.com/2017/04/27/o-diario-de-anne-frank-contos-do-esconderijo/

    Curtido por 1 pessoa

    • Chorei lendo O Menino de Pijama Listrado, minha nossa!
      Ah, a Anne me tocou demais, sabe? Fiquei bem mal depois que acabei a leitura, mas foi uma das melhores que já fiz na vida!
      Leio sim, pode deixar 😉
      Muito obrigada pela visita Alessandra, volte sempre ❤
      Beijinhos :*

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s