Resenha 35# Diário das Coincidências – João Anzanello Carrascoza

Olá Tchucutchucus!

Bom, hoje trago a resenha do meu livro de capa azul da TBR do Maratona Literária de Inverno 2017 do canal Geek Freak. Estava procurando, desesperadamente, meu livro de capa azul, daí, eis que me aparece esse, sinopse legal, bastante azul na capa, e o melhor: bem pequeno (confesso que, já que é minha primeira vez nisso aqui, fiquei receosa de pegar um livro com muitas páginas, não conseguir terminar e como muitos dizem, acabar flopando. Ah, não me matem, mas até então, não sabia o que era flopar, mas agora eu sei gente, juro!)

28000287_gg

 

 

Autor: João Anzanello Carrascoza

Editora: Alfaguara

Páginas: 112

Gênero: Biografias e Memórias

Classificação: 3/5

 

 

 

 

 

Sinopse: Todo mundo tem uma coincidência para contar. Seja uma pequena troca de olhares entre desconhecidos que se reconhecem de passagem ou um nome que teima em aparecer no seu caminho. Este livro é permeado por esses tipos de coincidências. As histórias, vividas por um personagem que, por vezes, confunde-se com o próprio autor, vão sendo contadas em meio a pequenos momentos carregados de significado.
Com delicadeza e maestria, Diário das coincidências tece uma trama de pequenas histórias, em que o leitor, ao puxar um fio, vai descobrindo conexões e desvendando a beleza do dia a dia. Este breve diário expõe a leveza do destino e concede uma chave de leitura para o inexplicável cotidiano.

(Fonte: Alfaguara)

Capturar.JPG

De acordo com o site Livros e Pessoas, o autor conta que durante muito tempo, costumava anotar todas as coincidências que aconteciam em sua vida, das mais simples, quase imperceptíveis, às mais complexas. Até que resolveu reescrever todas aquelas histórias. Diário das Coincidências foi o resultado da junção de coincidências tanto pessoais, quanto de alguns de seus leitores.

11

Tá, tinha adorado a sinopse, mas quando comecei a ler, desanimei um pouco. Encontrei umas palavras lá que nunca tinha visto ou escutado antes (e lá vai caçar os significados), e não estava me prendendo muito (mas, não se pode abandonar um livro numa Maratona, certo? Acho que não, então continuei).

Minha visão desse livro mudou quando cheguei no capítulo “Mais um círculo”, e percebi o quanto o destino é lindo e cheio de surpresas. E como as coisas mais simples, são as mais fascinantes.

Não é algo que eu costume ler, mas sair da nossa zona de conforto é sempre bom, não? Quem sabe, algum dia desses, eu traga mais uma resenha desse tipo?

11

Adicione Diário das Coincidências no Skoob

E aí? Quais são suas coincidências? Vou adorar saber 😉

Espero que tenham gostado, até a próxima!

Um ‘chero no cangote’ de vocês!

 

4 comentários sobre “Resenha 35# Diário das Coincidências – João Anzanello Carrascoza

  1. Pingback: Sobre a #MLI2017 – Ju | Inícios Marcantes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s