Resenha 36# Social Killers – Amigos Virtuais, Assassinos Reais – R.J. Parker e J.J. Slate

Oi Gente! E aí?

Resolvi fazer primeiro a resenha do 3º livro da minha TBR (Livro que você comprou pela capa – Nível Iniciante) do Maratona Literária de Inverno. A Nona Configuração, que foi meu 2º livro, me deixou extremamente confusa, e nem sei se vou conseguir fazer uma resenha se não ler ele de novo 😦 . A leitura não fluiu, não me apeguei aos personagens e acabei a história com um imenso “QUÊ?”

Mas, insatisfações à parte, vamos à resenha do Social Killers 💀🔪🔫

capa-social-killers-frente-final

 

 

Autores: R.J. Parker & J.J. Slate

Editora: DarkSide Books

Páginas: 272

Gênero: Não-Ficção, Policial

Classificação: 3/5

 

 

 

 

 

 

Sinopse: Você realmente conhece todas aquelas pessoas listadas como seus amigos? Se o velho ditado “quem vê cara não vê coração” for mesmo verdade, o que se pode dizer sobre todos aqueles avatares sorridentes que você adicionou?

A realidade, ainda que virtual, pode ser bem mais assustadora que a ficção. Enquanto um vampiro precisaria ser convidado para entrar, um psicopata on-line não vai perder a oportunidade de entrar quando encontra janelas abertas. Cuidado com o que você curte.

SOCIAL KILLERS – AMIGOS VIRTUAIS, ASSASSINOS REAIS é um livro assustadoramente verdadeiro. Seus autores, RJ Parker e JJ Slate, reúnem alguns dos casos mais angustiantes de criminosos que usaram as redes sociais para se aproximar de suas vítimas. Stalkers, predadores sexuais, assassinos, canibais, torturadores. A lista, infelizmente, não é pequena. E novas solicitações de amizade continuam chegando a cada dia.

 

Uma dica: para dar aquela emoção, sugiro que leiam a resenha ao som de Psycho Killers 😉

Para começo de conversa, não dei sorte com minha TBR 😦 . Apesar de ter lido muito rápido, todos os livros foram classificados entre 2 e 3 estrelas. Personagens superficiais, histórias confusas… Acabei as leituras bem antes do prazo final, mas foi bem divertido participar da maratona e dos desafios ❤

Onde se inscreve para as próximas Maratonas Literárias? Hihihi 🙃

serial-killer-01

Social Killers foi uma leitura bem pesada, às vezes ficava tão chocada que parava a leitura e ia correndo atrás da Ju, para exclamar minha indignação e horror. Quanto mais conheço o que a mente humana pode esconder, mais medo sinto do mundo.

O livro nos mostra o quanto é perigoso expor de forma tão aberta informações que para nós, são coisas do cotidiano, como check-in de lugares que visitamos ou nossa cidade natal, mas que para psicopatas assassinos são fundamentais para conhecer a próxima vítima.

Assassinato. Sequestro. Canibalismo. Suicídios. Você encontrará todos esses temas nas 33 histórias a seguir. Trata-se de narrativas reais sobre diversos assassinos que fizeram uso da internet para buscar, atrair e perseguir suas vitimas ou para se aproveitar delas de alguma forma.

O caso que mais me doeu ler foi da Lacey Spears, uma mulher que era viciada em curtidas e comentários, e que usava o próprio filho, um bebezinho, para receber atenção. Ela machucava o bebê, ou o fazia ingerir grandes quantidades de sódio e depois corria para o hospital para tirar fotos e postar em suas redes sociais que seu pobre filhinho estava novamente no hospital, que o destino gostava de maltratar seu bebê e pedindo que todos orassem para que ele restabelecesse a saúde.

Cara, quando eu li que o bebê entrou em coma, porque tinha quantidades anormais de sódio no corpo quase joguei o livro no chão! Gente, que mãe doida é essa? Sério fiquei muito P*** da vida!

Resumindo, os sentimentos presentes ao longo de toda a leitura foram de horror, agonia e tristeza pelas vitimas, que em alguns casos, ainda não foram encontradas. Cada caso, uma atrocidade maior do que o anterior.

social-killers-pontocom

No final, encontramos dicas de como nos proteger na internet e também mostra como ela pode ser uma poderosa aliada em soluções de casos. O livro funciona como alerta: afinal nunca podemos ter certeza absoluta de quem está do outro lado da telinha.

Não indico o livro para menores de 18, pois os relatos são fortíssimos e me causaram ânsia de vomito diversas vezes. Mas, se você se interessa pelo assunto, (e tem o estômago forte) em cada capítulo vem um QR code para ter acesso a mais conteúdos como fotos e vídeos, sobre o criminoso da vez.

serial-killer-01

Bem, é isso! Espero que tenham gostado de me acompanhar na minha primeira jornada pelo mundo das Maratonas ❤

Adicione Social Killers – Amigos Virtuais, Assassinos Reais no Skoob

Beijinhos 😘

3 comentários sobre “Resenha 36# Social Killers – Amigos Virtuais, Assassinos Reais – R.J. Parker e J.J. Slate

  1. Pingback: [Mês do Horror] Tag – Macabra | Inícios Marcantes

  2. Pingback: [Mês do Horror] Indicações de Livros | Inícios Marcantes

  3. Pingback: Sobre a #MLI2017 – Geo | Inícios Marcantes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s